Trabalhadores fazem protesto contra a Reforma da Previdência em Assis, neste sábado

Diversas categorias de trabalhadores de Assis e região vão se concentrar a partir das 8h30 em frente a praça da Catedral neste sábado, 1⁰ de abril, e a partir das 9 horas, percorrerão a Avenida Rui Barbosa para protestar contra Reforma da Previdência.

A população está convidada a participar.

Fazem parte do movimento as entidades contrárias a Reforma da Previdência: Sincomerciários, Sindicato dos Bancários, Apeoesp, Adunesp, Sindicato dos Servidores Municipais de Assis, Sintunesp, Sindicato dos trabalhadores Rurais de Assis, OAB-Assis, Servidores do Judiciário de Assis e Região, Sindicato dos Condutores de Veículos Rodoviários e Anexos de Assis, Sindicato dos Investigadores de Polícia de Assis, Sindicato Rural de Cândido Mota e Sindicato dos Trabalhadores Municipais de Cândido Mota.

Os líderes estão convidando a população para participar do protesto contra a proposta do atual governo que deve acarretar prejuízos aos trabalhadores. Eles devem distribuir panfletos com os dez motivos para a luta contra tais medidas, dentre eles: idade mínima de aposentadoria passará para 65 anos para homens e mulheres; o prazo mínimo de contribuição será elevado de 15 para 25 anos; o tempo de contribuição para aposentadoria integral que corresponde a 100% do benefício de direito de cada trabalhador será de 49 anos; a proposta desconsidera a realidade das trabalhadoras que geralmente assumem as tarefas de casa ainda na adolescência e acumulam duplas e triplas jornadas de trabalho e ainda beneficia os planos privados de previdência aumentando ainda mais os altos lucros dos bancos. No caso da agricultura familiar, acaba a condição de aposentadoria aos 60 anos para homens e 55 para mulheres, não podendo mais contribuir sobre o talão de produtor, mas individualmente ao INSS e somente poderão se aposentar com 65 anos.

“Convidamos a comunidade assisense para participar deste protesto que tem como objetivo chamar a atenção dos políticos para que votem contra essa reforma totalmente prejudicial ao trabalhador que terá que trabalhar até morrer, sem se aposentar!”, ressaltam os integrantes do grupo.

previdencia 1

Reunião preparatória de atos com reforma da Previdência

Ello Assessoria de Imprensa

 

Veja também

A124 – Sepultamentos em Assis neste dia 22 de maio

Há dois sepultamentos programados para esta quarta-feira, dia 22 de maio, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta