Neste domingo, V.O. promove samba no barracão para lembrar sambistas que nasceram ou morreram em novembro

A Escola de Samba Unidos da Vila Operária estará promovendo uma tarde de samba no barracão da rua Tibiriçá, 01, para homenagear e lembrar os sambistas que nasceram ou morreram no mês de novembro.

A agremiação do presidente Zé Correa receberá convidados a partir das 13 horas para uma roda de samba.

A entrada é franca e haverá bebida e espetinhos sendo vendidos no local.

ANIVERSARIANTES:

Paulinho da Viola nasceu no Rio de Janeiro em 12 de novembro de 1942.

Dudu Nobre nasceu, no Rio de Janeiro, em 06 de novembro de 1973.

João Nogueira nasceu no dia 12 de novembro de 1941 e morreu em 05 de junho de 2000, aos 69 anos, vítima de infarto .

Mário Lago, ator e sambista, autor das letras “Ai,m que saudades da Amélia e Atire a primeira pedra” em companhoa de Ataulfo Alves nasceu em 26 de novembro 1911 e morreu em 2.002, aos 90 anos, vítima de enfisema pulmonar.

Alcione, a Marron, nasceu no estado do Maranhão em 21 de novembro de 1947. Estará comemorando 71 anos.

Ary Barroso radialista e sambista nasceu em 07 de novembro de 1903 e morreu aos 61 anos, em 1964, vítimna de cirrose hepática.

MORTES

Candeia morre aos 43 anos, em 16 de novembro de 1978, com infecção renal.

O pai do samba paulistano, Adoniram Barbosa, morreu em 23 de novembro de 1982, aos 72 anos, vítima de enfisema pulmonar.

Jovelina Pérola Negra morreu em São Paulo em 02 de novembro de 1998, aos 54 anos, vítima de infarto.

Cartola morreu no Rio de Janeiro em 30 de novembro de 1980, vítima de câncer. É considerado por grande parte da crítica musical como o maior sambista do Brasil.

samba de novembro

Check Also

936 – Sepultamento em Assis neste dia 27 de fevereiro

Há um sepultamento programado para esta terça-feira, dia 27 de fevereiro, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta