Prefeitura deve fechar Autarquia e FAC e criar a Secretaria de Esportes e Cultura

Como havia antecipado o Jornal da Segunda, em dezembro de 2016, o prefeito José Fernandes, do PDT, deve encaminhar, nos próximos dias, um projeto de lei à Câmara Municipal extinguindo a Fundação Assisense de Cultura e Autarquia Municipal de Esportes de Assis.

No lugar dos dois órgãos da Administração Indireta ele deve propor a criação da Secretaria Municipal de Esportes e Cultura, ou ainda anunciar, dentro da Secretaria Municipal da Educação, o Departamento de Esportes e Cultura.

O assunto já chegou à Câmara Municipal e um primeiro encontro foi realizado.

Em princípio, não houve resistência dos vereadores.

Juntos, os dois órgãos consomem cerca de R$ 6 milhões do Orçamento Municipal.

O Orçamento da Fundação Assisense de Cultura para o ano de 2017 é de R$ 2.514.440,00 e o da Autarquia Municipal de Esportes chega a R$ 3.525.000,00.

Atualmente, o policial militar aposentado Sílvio Nogueira Bahia responde pela Autarquia Municipal de Esportes e o músico Paulo Ogeda, contratado pelo ex-prefeito Ricardo Pinheiro Santana, continua no cargo de diretor da Fundação Assisense de Cultura.

A fusão de Autarquia de Esportes e Fundação Assisense de Cultura é uma das medidas administrativas que a equipe do prefeito José Fernandes pretende adotar para diminuir gastos na Prefeitura de Assis.

“Encaminharemos um projeto propondo uma ampla reforma administrativa na Prefeitura Municipal de Assis”, anunciou Fernandes durante entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira para divulgar a dívida herdada de cerca de R$ 61 milhões.

coletiva divida

O prefeito José Fernandes durante entrevista coletiva para anunciar a dívida herdada

 

Check Also

935 – GALERIA DA SAUDADE – Jet Boys

Durante décadas, a banda musical Jet Boys levou o nome da cidade de Assis para …

Deixe uma resposta