Artistas e esportistas querem evitar fim da FAC e Autarquia de Esportes

A decisão anunciada pela equipe do prefeito José Fernandes, do PDT, de fechar a Fundação Assisense de Cultura e Autarquia Municipal de Esportes de Assis já encontra resistência entre ativistas culturais e esportistas.

O plano da Administração é unificar as duas pastas e criar a Secretaria de Esportes e Cultura.

A justificativa é “contenção de despesas” com a garantia de que os projetos e programas dos dois órgãos serão mantidos.

Essa decisão, no entanto, não é só do prefeito.

Como FAC e Autarquia de Esportes são órgãos municipais criados por leis municipais, a extinção dos mesmos só acontecerá se os vereadores aprovar projetos de lei com essa finalidade.

Preocupados e contrários ao fechamento das duas instituições, ativistas culturais e esportistas se reuniram na noite desta quarta-feira, no plenário da Câmara Municipal, para discutir o tema.

O consenso é que o movimento deve aumentar para tentar convencer prefeito e vereadores que o fechamento dos dois órgãos trará mais prejuízos do que benefícios à cultura e ao esporte da cidade.

O debate promete!

fim fac e amea

Ativistas se reuniram na Câmara Municipal na noite desta quarta-feira

 

Veja também

A156 – Coral da Unesp faz apresentação beneficente no Salão de Atos nesta sexta-feira

O Comitê de Ação Cultural e o Coral da Multiplicidade da Unesp de Assis convidam …

Deixe uma resposta