Prefeito anuncia projeto que “repõe a perca inflacionária” no salário dos servidores

“Estamos concluindo o projeto de lei para ser enviado ao Poder Legislativo, para apreciação dos senhores vereadores, para repor a ‘perca’ inflacionária num percentual de 10,74%”. A notícia, que muitos servidores públicos municipais aguardavam, foi anunciada pelo prefeito José Fernandes, do PDT, em vídeo gravado no gabinete do Paço Municipal, no final da tarde desta quarta-feira, dia 5 de janeiro, onde também estavam o vice-prefeito, Aref Sabeh, e o secretário municipal da Fazenda, Percy Cidin Amêndola.

No mesmo vídeo, Fernandes, sem usar máscara de proteção facial para evitar a transmissão do novo coronavírus, confirmou que estará publicando um decreto autorizando o reajuste de 10,74% no Vale Alimentação, como é conhecido o Programa de Alimentação dos Servidores que, atualmente, é de R$ 373,00 para quem recebe salário até R$ 3.315,51. Os que têm salário maior recebem R$ 118,40 de Vale Alimentação. Os novos valores, segundo o prefeito, devem ser pagos já no mês de janeiro.

LEI – O presidente do Sindicato dos Servidores Municipais, Paulo César Tito, disse que a medida anunciada pelo prefeito José Fernandes “nada mais é do que o simples cumprimento da lei, que prevê reposição anual das perdas inflacionárias” e lembrou que o chefe do Poder Executivo, ao assumir o cargo, havia se comprometido a repor 8% no salário dos servidores referentes às perdas inflacionárias dos anos anteriores. “A promessa ficou só na palavra”, criticou.

Num levantamento feito pelo Sindicato dos Servidores, Assis, mesmo com a reposição inflacionária, continuará tendo um dos menores valores do Vale Alimentação. Em Paraguaçu Paulista e Platina, por exemplo, segundo o levantamento realizado, os servidores municipais receberão R$ 800,00 ao final deste mês. Em Cândido Mota, o Vale Alimentação (inclusive aos inativos) é de R$ 450,00.

Nas redes sociais, o erro na construção da frase do prefeito, que trocou a palavra perda por perca, não foi perdoado. “10,74% de reposição e 1.000%  na língua portuguesa”, ironizou o bancário Edijalma Bugiato.

06 janeiro ze

Sem máscara, no gabinete ao lado de outras pessoas, Fernandes anunciou a reposição salarial

Reprodução: PMA

Veja também

A177 – Morre o vice-prefeito de Cruzália, Alceu Vidotti

Morreu na noite desta sexta-feira, dia 21 de junho, aos 79 anos, o ex-prefeito e …

Deixe uma resposta