Na fuga, assaltantes dispensam dinheiro roubado pela janela do carro, mas acabam presos

Não deu certo a estratégia adotada pelos ladrões de um mercado na cidade de Palmital para escapar da prisão. Perseguidos pela Polícia Militar, eles dispensaram dinheiro e telefones celulares roubados das vítimas pela janela do carro que fugiam, mas acabaram confessando o crime e foram presos em flagrante.

O roubo aconteceu no início da tarde de quinta-feira, na avenida Brasil, bairro São José, mas o inquérito só foi concluído à noite.

Por volta das 13h30, dois assaltantes armados com um revólver entraram num mercadinho e anunciaram o roubo, ameaçando funcionários e clientes que estavam no interior do estabelecimento comercial.

Sem reação, as vítimas entregaram cerca de R$ 2 mil, entre os valores que estavam nos caixas e em posse dos clientes. Três telefones celulares também foram entregues.

Com dinheiro e aparelhos telefônicos, os ladrões fugiram em duas bicicletas.

Informados sobre o assalto, os policiais militares coletaram alguns detalhes com as vítimas.

Iniciaram patrulhamento pelo bairro São José e depararam com um veículo Gol, prata, tendo pessoas suspeitas em seu interior.

Rapidamente, os policiais fizeram uma manobra e iniciaram uma perseguição.

Durante a fuga, o passageiro dispensou dinheiro e um telefone celular pela janela traseira.

Um pouco adiante, o carro foi parado pelos policiais, que iniciaram uma revista pessoal nas duas pessoas.

Com o motorista, um rapaz de 22 anos de idade, foi localizada uma porção de maconha e a quantia de R$ 114,00 em dinheiro.

Em posse do adolescente de 15 anos, que era o passageiro, nada de ilícito foi encontrado.

No assoalho do banco traseiro, os policiais acharam R$ 50,00 e uma blusa de moletom semelhante à usada por um dos envolvidos no roubo ao mercadinho.

Questionados pelos militares, os suspeitos, inicialmente, negaram qualquer participação no roubo, mas o adolescente, posteriormente, confessou sua participação no crime e contou ter dispensado parte do dinheiro e um telefone celular durante a fuga.

Ele contou ainda que parte do dinheiro roubado estava na casa do motorista. Os policiais foram ao local indicado pelo adolescente e encontraram um telefone celular e R$452,00 dispensados na fuga.

Na residência do motorista, foram localizadas duas armas de fogo. Um revólver niquelado calibre 32, carregado com cinco munições intactas e uma deflagrada, usado no assalto e um outro revólver oxidado calibre 38, carregado com seis munições intactas e numeração raspada.

Também foram apreendidos R$ 1.362,40 em dinheiro, 127 gramas de cocaína, 14 gramas de crack, duas balanças digitais e 60 pinos usados para acondicionar cocaína, além de uma calça, uma blusa e um capacete semelhantes aos usados por um dos ladrões do Posto da Coopermota de Palmital, em assalto ocorrido há alguns dias.

Diante do material apreendido e a confissão do adolescente, os policiais militares deram voz de prisão e conduziram a dupla à Delegacia de Polícia, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência pelos crimes de roubo, tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo.

Conduzidas à delegacia, as vítimas do roubo ao mercado reconheceram o adolescente e uma das armas usadas no crime.

As vítimas do assalto à Coopermota foram chamadas e reconheceram os indiciados, roupas e armas usadas no crime.

 

Os dois suspeitos foram levados para a Cadeia Pública de Lutécia, onde aguardarão manifestação da Justiça.

viatura pm noite

As prisões foram efetuadas pela Polícia Militar

Veja também

A108 – Sepultamento em Assis neste dia 16 de maio

Há um sepultamento programado para esta quinta-feira, dia 16 de maio, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta