Assisense é executado com 30 tiros na região de Campinas

Um assisense de 32 anos de idade foi assassinado com 30 tiros -a maioria na cabeça- na noite de quarta-feira, na cidade de Monte Mor, região de Campinas.

Segundo informações de uma emissora de TV, o assisense Paulo Henrique Nunes Brito, de 32 anos de idade, conhecido pelo apelido de ‘Péricles’ em razão da semelhança física com o sambista, foi morto no interior de um salão de cabeleireiros.

Paulo aguardava ser atendido no salão, onde estavam mais cinco clientes.

Por volta das 20 horas, dois homens com os rostos cobertos, dizendo ser policiais, entraram armados no salão e foram pedindo para cada um dos clientes se identificar. O cabeleireiro, pensando ser assalto, tentou esboçar reação, mas um dos bandidos apertou o gatilho por três oportunidades com a arma em sua direção. Por sorte, o revólver não funcionou.

Cinco clientes e os dois profissionais do salão foram trancados no banheiro. Paulo Henrique foi obrigado a se deitar para ser executado com 30 tiros. A maioria atingiu sua cabeça.

Logo em seguida, a dupla fugiu. Ninguém sabe se os assassinos estavam de carro ou motocicleta e nem mesmo a direção que seguiram.

O corpo do assisense Paulo Henrique Nunes de Brito, que morava em Monte Mor há cerca de seis meses, foi levado para o Instituto Médico Legal, onde aconteceu o exame necroscópico.

O velório aconteceu no Complexo Prudenciana e o sepultamento está marcado para às 9 horas da manhã desta sexta-feira, no Cemitério Municipal da Saudade, em Assis.

monte mor

Paulo Henrique foi assassinado com 30 tiros em Monte Mor

Veja também

A119 – Gabriel Teixeira deixa o VOCEM uma semana após ser apresentado

O zagueiro Gabriel Teixeira (foto abaixo), de 22 anos, deixou o VOCEM uma semana após …

Deixe uma resposta