Com dois pacientes em UTI, Secretaria corrige boletim da COVID-19

Na tarde desta quarta-feira, dia 3 de novembro, a Secretaria Municipal da Saúde retificou os números do boletim que acompanha a evolução da COVID-19, divulgado horas antes, quando não apareciam internados em UTI.

Na realidade, dois pacientes estão hospitalizados em UTI: um rapaz de 27 anos e uma mulher, cuja idade não foi revelada.

Com isso, Assis apresenta um total de seis pessoas internadas, sendo duas em UTI e quatro -dois homens e duas mulheres- em enfermaria.

Os demais números divulgados no boletim não apresentaram divergência.

O documento emitido pela Secretaria Municipal da Saúde na manhã desta quarta-feira, dia 3 de novembro -após cinco dias sem divulgação por conta do final de semana prolongado-, confirmou que Assis não registrou óbito por complicações decorrentes da doença no mês de outubro.

A última morte de um assisense aconteceu no dia 29 de setembro em um hospital de São Paulo, apesar de ter sido divulgada somente no dia 21 de outubro.

Outubro foi o primeiro dos 15 meses da pandemia sem óbito de assisense e a cidade continua com 417 vidas perdidas por complicações da doença.

CASOS – Após cinco dias sem a divulgação do boletim, Assis aparece com 12 novos casos da doença, totalizando 15.028 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus. Segundo a Secretaria da Saúde 14.605 pessoas já se recuperaram da doença.

Com 98 resultados positivos no mês, Assis apresenta o menores e melhores números desde maio de 2020. A média diária de novos registros nas duas últimas semanas foi de 1,7 caso confirmado da doença.

Das 48.390 notificações nas unidades de saúde desde o início da pandemia, 32.091 resultados foram descartados para COVID-19.

17 janeiro UTI 2

Com duas pessoas em UTI, Assis retificou boletim 

Veja também

A208 – Seis sepultamentos em Assis neste dia 12 de julho

Há seis sepultamentos programados para esta sexta-feira, dia 12 de julho, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta